Se eu pudesse te dar apenas um conselho de beauté…

… ele seria “use protetor solar todo santo dia!”.

Uma vez uma colega de trabalho ficou surpresa quando eu falei que tinha feito 30 anos (thanks, Steph! #ganheiodia) e me perguntou o que eu fazia, pois aparentava ter menos que isso. Depois de dar pulinhos de alegria pela pergunta, fiquei pensando hooooras sobre isso… Qual seria “o segredo” para uma pele parecer mais saudável?

A primeira coisa que me veio à cabeça, antes de qualquer anti-idade foi: PROTETOR SOLAR. Eu sempre fui branca-fantasma e admito que, nascida e criada em uma cidade de praia como o Rio de Janeiro, sempre sofri uma pressão imensa para “ficar mais moreninha”. Mas não, obrigada! Nasci assim e nunca senti necessidade alguma de mudar o que eu sou! E, na verdade, acredito que toda pessoa deve sentir-se orgulhosa da forma como nasceu: do cabelo que tem, da sua pele, do seu biotipo, enfim, do jeito que cada um é!

Mas questões de auto-estima à parte, sempre relutei muito contra essas pressões, inclusive da família, para ficar “mais moreninha”. A libertação mesmo veio quando fui ao dermatologista sozinha pela primeira vez. Eu devia ter lá pelos meus quinze anos e, ao me ver (branca e cheia de sinais), a primeira coisa que ela falou (e repetiu mil vezes) era que eu tinha que usar protetor solar todos os dias e não só quando ia à praia. E assim fiz, feliz da vida e orgulhosa de, finalmente, alguém ter me apoiado na luta contra a idéia de que eu deveria ser diferente daquilo que eu era.

Assim, há mais de quinze anos uso protetor solar tooooodos os dias, faça chuva ou faça sol e em dias de calor escaldante, até reforço o protetor com um pó com fator de proteção antes de sair para almoçar. O que não pode é esquecer e nem deixar aquela preguiça bater!

E por mais que as pessoas digam que você tem que tomar sol para sintetizar a Vitamina D (bem-vindo ao dilema da minha vida), não é preciso se expor ao sol de meio-dia para que isso aconteça! Portanto, proteja sua saúde acima de tudo e, de quebra, aproveite os anos a menos que isto irá lhe dar! 😉

 

Você também pode gostar de...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *